Como reaproveitar comida

É muito complicado conseguir cozinhar a quantia exata de comida para que todos fiquem satisfeitos e não sobrar nada. Além de que, temos a cultura de que é feio, indelicado, faltar comida na mesa. E nesse medo acabamos por sempre preparar uma quantidade de alimentos para dar e sobrar. Mas e o que fazer com as sobras? Elas se tornam um problema uma vez que ninguém gosta de jogar comida no lixo. Qual a solução? A palavra da vez é R-E-A-P-R-O-V-E-I-T-A-M-E-N-T-O.

Nosso país é o quarto maior produtor mundial de alimentos e, por isso, produzimos 25% a mais do que necessitamos para alimentar toda a população. Dados da Embrapa mostram que cerca de 26,3 milhões de toneladas de alimentos ao ano vão parar no lixo. Isso significa que todos os dias, nós brasileiros, cada qual com a sua parcela de culpa, desperdiçamos o equivalente a 39 mil toneladas de comida que dava para matar a fome de 19 milhões de pessoas.

O Instituto Akatu explica como se dá tamanho desperdício. Cerca de 64% do que se planta no Brasil é perdido ao longo da cadeia produtiva, da seguinte maneira:

  • 20% na colheita
  • 8% no transporte e armazenamento
  • 15% na indústria de processamento
  • 1% no varejo
  • 20% no processamento culinário e hábitos alimentares

Ou seja, pelo menos 20% do problema está em nossas mãos com o desperdício de alimentos que não controlamos em nossas casas. Então vamos logo ao que interessa.

Podemos evitar esse problema de duas formas muito simples e baratas. Com o reaproveitamento de comida e com o que se chama de “aproveitamento integral de alimentos”. Este último consiste na utilização de partes de alimentos que normalmente são desprezadas pelos cozinheiros. As cascas de frutas, entrecascas, sementes, miúdos de animais, folhas e talos de legumes que, além de saborosíssimos, concentram a maior parte dos nutrientes.

E as sobras dos alimentos consumidos nas refeições também podem ganhar um destino bem mais interessante do que o lixo. A maioria dos restos de alimentos, desde que não estejam estragados, podem ser reaproveitados em deliciosas receitas bem práticas de fazer.

Veja exemplos de sobras de comidas que podem se transformar em outros pratos:

Arroz = bolinhos, risotos e arroz de forno
Feijão = tutu,  feijão tropeiro, virado e bolinhos
Macarrão = saladas e mistura com ovos batidos
Carne assada = croquetes, “arroz sujo”, refogado com cebolas, aproveitado em omelete, tortas, molhos, sopas e recheios
Carne moída = croquetes, recheio de panqueca e tortas salgadas
Hortaliças = sopas, farofas, purês e panquecas
Peixes = pirão, suflê, risotos e tortas salgadas
Frango = tortas, pizzas, suflês, risoto e tortas salgadas
Pão = pudins, torradas, farinha de rosca, tortas, lasanhas e rabanada
Frutas maduras = doces, sucos, vitaminas, geleias e bolos
Leite coalhado = doce de leite e bolos

E dá para usar a criatividade sem medo de ser feliz. O simples gesto de unir algumas sobras pode virar um prato muito delicioso. A dica é ter cuidado no modo de aquecer a comida para não ficar com uma aparência desagradável, de “mexidão”. Nada contra mexidões, mas eles, geralmente, desconfiguram o aspecto original dos alimentos. Lembre-se que também comemos com os olhos.

Agora é hora de partir para a prática. A parte mais gostosa!! Anota aí essas receitas da vovó e arrase na cozinha. Por que a partir de agora “nada se perde, tudo se transforma”.

Lasanha de Pão

Ingredientes

½ pacote de pão de forma
1 caixinha de creme de leite
1 lata de molho de tomate
150 gramas de queijo
150 gramas de presunto

Modo de Preparo

Misture o creme de leite com o molho de tomate e comece a montagem. Primeiro molhe o fundo a assadeira (de preferência de vidro) com um pouco da mistura acima. Depois coloque uma camada de pão e acima dele acrescente uma camada de molho (para molhar o pão). Adicione uma camada de presunto e outra de queijo. Coloque mais uma camada de pão e outra com o restante do molho. Finalize com uma camada de queijo. Coloque no forno para assar até derreter todo o queijo.

Nhoque de Pão

Ingredientes

3 colheres de sopa de farinha de trigo
1 litro de leite
2 ovos
6 unidades de pão francês amanhecido
Pimenta-do-reino a gosto
Sal a gosto

Modo de Preparo

Corte os pães e deixe de molho no leite por uma hora, para empapar bem. Após, esprema bem e, se quiser, passe por uma peneira. Tempere. Junte os ovos e a farinha, misturando bem. Estique, corte como nhoque e cozinhe em água fervente. Quando subirem, retire e escorra. Use o molho de sua preferência.

Bolinho de casca de batata

Ingredientes

2 xícaras de casca de batata cozidas e batidas
2 xícaras de farinha de trigo
2 ovos
2 colheres de salsinha picada
Sal (o suficiente)
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
Óleo para fritar

Modo de Preparo

Ferver as cascas de batata e bater no liquidificador. Colocar a massa numa tigela, acrescentar os ovos, a farinha, o sal e o fermento. Misturar bem. Aquecer o óleo e fritar os bolinhos às colheradas.

Torta de arroz

Ingredientes

Massa:

– 4 xícaras de arroz cozido
– 1 xícara de iogurte natural
– 4 ovos
– Sal e noz moscada a gosto (se preferir acrescente 1/4 de cebola para dar um sabor especial à massa)

Recheio:

– 500g de carne moída
– 1/2 xícara de extrato de tomate
– Alho e cebola à gosto
– Sal e pimenta do reino à gosto
– Azeite para refogar

Modo de fazer

– Bata os ingredientes da massa no liquidificador.

– Tempere a carne moída com sal e pimenta. Refoque o alho e a cebola no azeite, junte o extrato de tomate e deixe cozinhando em fogo baixo por 20 minutos. Acerte os temperos e reserve.

– Em uma assadeira média untada e enfarinhada, coloque metade da massa, distribua o recheio e cubra com o restante da massa. Leve para assar em forno pré-aquecido a 180º até estar firme no centro.

Dica: congele as sobras de arroz, assim você não precisa ter pressa para reaproveitá-las.

Gostou? Então compartilhe com a gente outros saborosos pratos de reaproveitamento. Escreva a sua receita em um comentário abaixo!!


Anúncios