O menino que levou água para os africanos

Depois de uma reflexão séria, agora é hora de saber de boas histórias que podem nos servir de exemplo e inspiração. Essa, é a prova de que uma pessoa consegue mudar uma dura realidade sozinho. Basta querer!

Ryan Hreljac, tinha apenas seis anos quando a professora da escola contou como as crianças da África vivam. Soube que várias morriam de sede ou morriam por ingerir água contaminada. As condições de saneamento eram péssimas e as crianças tinham que andar vários quilômetros por dia para conseguir um pouco de água. Suja e escura, longe de ser potável. O menino canadense ficou muito comovido. Ryan perguntou a professora quanto custaria para levar água aos pobres africanos. A professora disse que um pequeno poço poderia custar cerca de 70 dólares. O menino pediu o dinheiro para a mãe e fez trabalhos domésticos durante quatro meses para juntar o valor. Quando reuniu os 70 dólares e pediu à sua mãe que o acompanhasse à sede da WaterCan para comprar seu poço para os meninos da África.

Lá desobriu que o custo real da perfuração de um poço era de 2.000 dólares. Sabendo que a mãe não teria tanto dinheiro pra lhe dar, Ryan prometeu voltar e arregaçou as mangas. Convenceu amigos, vizinhos e parentes de todo o bairro onde morava, e com serviços prestados conseguiu o dinheiro necessário. Ryan voltou triunfante a WaterCan para pedir seu poço, que foi perfurado em janeiro de 1999 em uma vila ao norte de Uganda.

Ryan não parou de arrecadar fundos e de viajar o mundo buscando apoios. Em 2000 ele conseguiu viajar para conhecer de perto o povoado onde havia sido perfurado seu poço. Foi recebido com festa e ficou surpreso pois havia milhares de crianças enfileiradas batendo palmas para ele. Os líderes do aldeia levaram Ryan até o poço e lhe pediram pra ler o que estava escrito no concreto: “Poço de Ryan. Financiado por Ryan Hreljac. Para a comunidade de Angolo”

Hoje Ryan tem 21 anos, e tem a própria fundação. Ajudou a construir mais de 630 poços e 700 latrinas, levando água potável e serviços de saneamento básico para mais de 705.000 pessoas. Hoje o garoto é reconhecido pela Unicef como Líder Global da Juventude e continua dedicado e empolgado com seu trabalho na Fundação, dando palestra em vários países, escolas, igrejas, clubes, eventos e conferências, falando de forma apaixonada sobre a necessidade de água limpa em todo o mundo. Ensina também a população local a cuidar corretamente dos poços e da água.

Este é o vídeo que conta um pouco desta história e mostra o momento em que Ryan chega ao vilarejo na África.

Anúncios

2 pensamentos sobre “O menino que levou água para os africanos

  1. livia santos vieira disse:

    eu fazeria o mesmo para ajudar os africanos

  2. Frank Willian disse:

    muito lindo isso ! meus parabéns ! eu aplaudo você de pé !!!

Deixe seu comentário que em breve ele será respondido. Agradecemos sua participação. Muito obrigada!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s